Por Eduardo Luiz, da Redação PTD - 12/11/2017 - 21:10h.
Sem pensar em deixar o clube, Dudu condena violência de protesto
Antes da partida contra o Flamengo, uma torcida organizada do Palmeiras realizou um protesto em frente à Academia de Futebol. Na saída do ônibus para o Allianz Parque, alguns integrantes dessa torcida arremessaram pamonhas nos vidros, danificando alguns. A violência da manifestação incomodou o grupo, que ganhou voz pelo capitão Dudu.

"A gente ficou um pouco triste. Saindo para trabalhar… Não sei se foi pedra, o que foi, mas quebrou o ônibus. Jogaram alguma coisa no ônibus, veio estilhaço em jogador. Mas é passado. A gente sabe o amor que eles têm pelo clube, querem sempre o melhor. Nós também sempre queremos vencer, o melhor pelo clube" disse o camisa 7, após a vitória por 2 a 0 sobre a equipe carioca.

Dudu lamentou a memória curta dos manifestantes: "Cerca de 80% desse grupo conseguiu um título brasileiro depois de 22 anos, mas no futebol brasileiro as pessoas não lembram do passado recente".

Mesmo sem esconder sua chateação com o episódio, Dudu disse que não pensa em deixar o clube: "Estou muito feliz aqui. A gente fica triste no momento, mas sabe que eles gostam muito de mim e eu também gosto muito desse clube. Recebi várias propostas para sair e não vou sair. Tenho contrato e vou cumprir, como falei para o Mattos e para o presidente" encerrou.
 
Vai comentar? Leia e respeite nossas regras
 
Para comentar usando o plugin do Facebook clique aqui
 
comments powered by Disqus
 
Os comentários feitos neste espaço não representam a opinião do Palmeiras Todo Dia. A responsabilidade sobre eles são de seus respectivos autores.
Palmeiras Todo Dia | O Site Oficial do Torcedor Palmeirense!
 
 
Palmeiras Todo Dia - O Site Oficial do Torcedor Palmeirense!