Por Eduardo Luiz, da Redação PTD - 29/05/2011 - 18:09h.
Golaço de Luan rende 1 ponto ao Verdão
Por Eduardo Luiz  eduardoluiz@palmeirastododia.com

Com Tinga e Patrik no meio-campo e Luan e Kleber no ataque, o Palmeiras inciou o jogo com pouca movimentação, marcando mal o Cruzeiro, que não demorou para criar uma boa oportunidade. Aos 7 minutos Wallyson chutou com efeito e a bola estourou no trave direita de Marcos, que apenas olhou.

Passado os 15 minutos iniciais, o time de Felipão conseguiu encaixar a marcação, o que deixou a partida menos perigosa. Sem correr grandes riscos atrás, o Verdão pouco produzia na frente, e quando produzia concluia mal, foi isso o que aconteceu aos 19 minutos, quando Tinga isolou um chute de canhota depois de boa jogada de Gabriel Silva pela esquerda.

Nos minutos finais do primeiro tempo o Cruzeiro ainda desperdiçou duas boas chances para abrir o placar; a primeira com Gilberto, numa finalização bem defendida por Marcos, e a segunda com Brandão, que cutou cruzado, à direita do camisa 12 Palmeirense.

O início do segundo tempo pareceu um replay do primeiro, ou seja, com o Cruzeiro partindo para cima do Palmeiras. Logo aos 2 minutos os mineiros perderam grande chance; Gabriel Silva falhou, Wallyson surgiu livre na cara de Marcos mas optou pelo passe para Anselmo Ramon, que perdeu gol feito. Aos 10 Marquinhos Paraná arriscou de fora de área e viu a bola passar perto da trave.

Só dava Cruzeiro. Aos 13 minutos, depois de uma confusão na área, Thiago Ribeiro pegou rebote da entrada da área mas São Marcos salvou. No contra-ataque, o primeiro do Verdão na etapa final, saiu o gol: Marcos Assunção enfiou para Luan finalizar com categoria, no ângulo esquerdo de Fábio: 1 a 0.

Abalado com o gol, o Cruzeiro cedeu espaços para o time de Felipão, que poderia ter definido a partida aos 22 minutos com Marcos Assunção, mas a cobrança de falta do camisa 20 tirou tinta do travessão. No lance seguinte quem assustou foi o ex-Palmeirense Ortigoza, que fintou Thiago Heleno e quase marcou um golaço, por cobertura.

A jogada do paraguaio deu início a uma pressão dos mineiros, recompensada aos 28 minutos; Montillo cobrou escanteio, Gil desviou e Anselmo Ramon completou na segunda trave: 1 a 1. Parecia que o Verdão apenas se defenderia para segurar o empate, Mas aos 30 Marcos Assunção cobrou escanteio na cabeça de Chico, que perdeu chance incrível.

Nos minutos finais, aí sim o time do técnico Luiz Felipe Scolari abdicou do ataque para levar de Sete Lagos um ponto na bagagem, foi quando os donos da casa desperdiçaram três boas oportunidades, duas com Gilberto e a última com Anselmo Ramon. Assim foi o movimentado jogo em Minas. Com o resultado o Palmeiras vai a 4 pontos e se mantém na parte de cima da classificação.

O próximo compromisso do Verdão pelo Brasileirão está marcado para às 18h30 de sábado (04/06) contra o Atlético-PR, no Canindé. Wellington Paulista, recuperado de uma luxação no ombro direito, estará novamente à disposição de Felipão. Já Lincoln e Rivaldo seguem como dúvidas.

 
Vai comentar? Leia e respeite nossas regras
 
Para comentar usando o plugin do Facebook clique aqui
 
 
comments powered by Disqus
 
Os comentários feitos neste espaço não representam a opinião do Palmeiras Todo Dia. A responsabilidade sobre eles são de seus respectivos autores.
Palmeiras Todo Dia | O Site Oficial do Torcedor Palmeirense!
 
Palmeiras Todo Dia - O Site Oficial do Torcedor Palmeirense!