COMO CURAR A DOR? COM A DOR ( 10/07/2017 )
 


Tarde de domingo, final de jogo. A "Sociedade" conhece a quinta partida com derrota pelo "Nacional".

Cansados, os jogadores alviverdes encaminham-se ao vestiário. As pernas quase não respondem ao comando cerebral. É nítido o desejo de se desligar, mesmo que por breve momento. O estresse é grande e eles não podem ser comparados a máquinas. Mesmo assim, a análise passional é linear e medida pela mesma régua.

Continuo não visualizando algumas peças pontuais - "Jean, Moisés, Felipe 'Pitbull' Melo, Guerra e Borja. Muitas, na verdade, mas quem se importa? O importante é "cornetar" - tire cinco titulares do atual líder e procure achar uma máquina azeitada.

Contudo, aos olhos outros, o time alviverde continua a incomodar - imaginem se os esmeraldinos engrenarem, de uma hora para outra.

Pois é, outros elencos cresceram assim, vitaminados por vitórias pontuais e por intermédio de gols ocasionais. Entretanto, não importa - diriam os ufanistas e suas verdades pela metade - , ninguém lembrará com entusiasmo da montagem.

Mas a bola continua a rolar e eu continuo otimista - e não encaro como insanidade. O time alviverde ainda dará muito trabalho, pois está longe de jogar a toalha.

Porém, não ganharemos tudo. Pensávamos, mas não contávamos com os imprevistos. Para mim, a "Libertadores" basta.

Por motivos outros, a coluna "Galope Peregrino" voltará somente na segunda-feira, mas quero deixar registrada a minha confiança para quarta-feira.

Chegou a hora de virar o jogo e bem sabemos o quanto será importante.



***

O escritor e colunista Catedral de Luz nasceu na turbulenta década de 60 e adquiriu valores entre as décadas de 70 e 80 que muito marcaram sua personalidade, tais como Palmeiras, Beatles, Letras, Espiritismo e História... Amizades... Esposa e Filha.

Os anos 90 ensinaram-lhe os atalhos, restando ao novo século a retomada da lira poesia perdidas.

comments powered by Disqus
acesso rápido
 
 
 
 
 
 
 

Palmeiras Todo Dia - O Site Oficial do Torcedor Palmeirense!